Fui passar o Carnaval no Litoral Sul de São Paulo

Click to this video!

Ola ´pessoal, vou contar para vocês o que aconteceu comigo neste Domingo de Carnaval, eu sou bi passivo, casado, meia idade, um corpo legal, uma bunda bonita carnuda, pernas grossas, bem macho mesmo, mais gosto de dar o cuzinho, alugamos uma chácara e fomos passar o Carnaval, no Domingo eu dei uma saidinha e fui ate a praia, estava de sunga, e camiseta, por volta de umas 16 horas começou um batuque, era uma banda, eu já tinha tomado umas caipirinhas, acabei entrando na banda, que na verdade já estava no final, me juntei ao um grupo de homens que estavam bebendo energético com Vodga, me ofereceram eu acabei bebendo, neste grupo tinha dois travestis, muito bonitos parecia umas mulheres, brincadeiras pra cá brincadeira para lá, eu acompanhando os caras, acabamos chegando numa casa, mandaram eu entrar eu já estava bebinho, já no interior da casa as brincadeira aumentaram, um dos travestis começou fazendo estripe, ficou peladinho, nossa mais o cara tinha uma rola enorme, e grossa, eu sei que acabaram todos ficando pelados, eu como tenho o pinto pequeno 16 cm, e do jeito que eu estava bêbado o pinto não iria ficar duro, estavam em cinco caras, todos bem servido de pica, principalmente os dois travestis, um deles acho que tinha uns 23 a 24 cm, e muito grosso.

Fizeram de tudo para eu tiram a sunga acabei tirando, um deles disse nossa ele tem uma bunda linda, começaram um chupando a rola do outro, um deles começou a chupar o meu pau mais estava difícil ficar duro, o cara que disse que minha bunda era bonita veio e meteu a rola no meio da minha pernas, não demorou muito ele enfiou tudo no meu cu, o travestis com o pau grandão veio me abraçou e acabei beijando ele na boca ai fez eu chupar o pau dele, me colocou de quatro e meteu no meu cu, nossa doeu um pouco mais foi tudo, ai chupei um outro cara que gozou na minha boca, eu sei que meti com todos, todos eles meteram no meu cu, ainda bem que eram responsáveis colocavam camisinha, porque para falar a verdade se dependesse de mim eu não iria lembrar da camisinha, mais porra eu engoli muita, acabei dando um jeito e fui embora.

Já chegando na chácara as perguntas minha mulher enchendo meu saco, eu contei que acabei saindo numa banda e esqueci o horário, mais ela não e boba não, e já algum tempo vem desconfiando de alguma coisa, me pressionou perguntando se eu estava com mulher ou com homem, eu disse com homem, que estava bebendo ela perguntou rolou alguma coisa, eu perguntei que coisa, ela disse já a um tempo venho percebendo suas atitudes e acho que você gosta de uma rola, eu então disse e se fosse, ela respondeu tudo bem, só que eu também quero curtir, aquilo mexeu com a minha cabeça, fiquei exitado, e perguntei tu teria coragem de dar para mais de um homem, ela respondeu por que não, vamos nos divertir.

Depois desta conversa já na segunda feira eu chamei ela para irmos a praia, ela e morena tem um corpo bonito, uma bunda linda, pernas bonitas bronzeada, colocou um biquine e fomos, tomamos umas caipirinhas, eu procurei ficar mais ou menos perto da casa que eu havia ido no domingo com os caras, fiquei ligado para ver se reconheceria algum por ali, não demorou muito aparece um deles na barraca em que eu estava, conversamos ele disse vamos lá o pessoal esta todos lá, ai eu disse eu estou com a minha mulher, ele disse leva ela, eu respondi tu e louco, ele foi embora, minha mulher já perguntou quem era eu respondi e um dos caras que eu estava ontem, ela retrucou, bonitão ele em, eu então disse ele me convidou para ir ate a casa onde eles estão, ela disse vamos, eu falei são seis caras, sendo dois travestis, e disse mais os travestis são dotados, um deve ter uns 24 cm de pica, ela riu, nossa tudo isso.

O cara havia ido na casa e voltou com dos deles um sendo o travesti, vieram conversar eu acabei apresentando minha mulher, o travesti disse nossa bonita ela, e gostosa, minha mulher agradeceu pelo elogio, e perguntou em amor e esta que tem a coisa grande, a gente já havia bebido bastante, ela já estava saidinha, o travesti disse quer ver vamos lá em casa, ela se vira para mim e disse vamos amor, eu falei se você for sabe que vai ter que foder com seis caras, ela adora sexo anal, chupa, faz de tudo, ela me responde o que que tem e carnaval.

Insistiu acabamos indo, só ela de mulher, e mais ela foi só de biquine, os caras cresceram os olhos em cima dela, começamos a beber a tal Vodga com energético, o travestir pegou abraçou ela por trás e colocou a rola no meio das pernas dela, ela retrucou nossa e grande mesmo e muito grosso, ela disse eu não aguento não, ele disse aguenta sim, ai foi tirando o biquine deixou ela peladinha, um cara moreno colocou ela de quatro no sofá e começou a meter na boceta dela, o outro foi e deu a pica para ela chupar, o cara gozou na boca dela, o travesti acabou metendo no meu cu, aquele pauzão, ai foi uma putaria só, os caras comeram o cu dela, mais na hora do travesti roludo meter no cu dela, nossa ela chegou a horas pedia devagar mais foi tudo ate o saco, todos meteram nela na boceta e no cu, deixaram ela toda arrombada, tomou tanta porra, se arrumamos e fomos embora, eu não acreditava no que havia acontecido, eles pediram para a gente voltar a noite.

Já a caminho de casa conversamos a respeito eu ainda não acreditava que eu estava conversando isso com a minha mulher e que eu havia deixado ela meter com outros homens e que ela viu os caras gozarem na minha boca e meterem no meu cu, ela agradeceu amor obrigado este foi o melhor carnaval que já passei, adorei nunca meti tanto na minha vida, iriamos voltar a noite, mais começou a chover o pessoal resolveu vir embora, mas estamos já pensando em tentar uns outros contatos.

Eu adorei agora vamos ver o que vai acontecer daqui para a frente, nunca imaginei que seria tão bom ver a mulher sendo fodida por outros homens e dar o cu na frente dela, e uma sensação inexplicável, só quem faz mesmo pode entender.

espero que tenham gostado.